Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

B(V)logue de Alterne

Gosto de, sob o Facho, usar a Foice mas, tenho, no Martelo, o meu maior prazer.

B(V)logue de Alterne

Gosto de, sob o Facho, usar a Foice mas, tenho, no Martelo, o meu maior prazer.

14.10.19

As 50 Sombras de Rio (pt II)


Vorph "Girevoy" Valknut

"Chefe", meia dose de jornalismo, fá favor!!

 

assassination-of-julius-caesar-spanish-school.jpg

 

Blogues políticos. cidadania ou caciquismo?

Os blogues servem mais a sociedade civil como pilar ou a sociedade política como ponte? Há casos diferentes numa história que já ultrapassa a década.

 

Excerto, do artigo de Sebastião Bugalho, no Jornal, Sol (18 de Novembro de 2016)

A ENTREVISTA (a Fernando Moreira de Sá)...


As reações incluíram críticas e desmentidos. Moreira de Sá enumerou vários bloggers, alguns deles seus amigos. Rezou assim: «Álvaro Santos Pereira, do Desmitos, foi para ministro da Economia; Carlos Sá Carneiro entrou para adjunto do primeiro-ministro; Pedro Correia foi para o gabinete do Relvas; Luís Naves também, mais tarde; João Villalobos para a secretaria de Estado da Cultura; Carlos Abreu Amorim para deputado e vice-presidente do grupo parlamentar; António Figueira, do Cinco Dias, e de esquerda, foi trabalhar com o Relvas; Francisco Almeida Leite para o Instituto Camões; Vasco Campilho foi para algo ligado aos Negócios Estrangeiros; José Aguiar para o AICEP; Pedro Froufe para a comissão de extinção das freguesias; o CDS também recrutou no 31 da Armada. Houve outros. Só em ministros, secretários de Estado e assessores foi uma razia em blogues como o Albergue Espanhol, o 31 da Armada, Delito de Opinião, O Insurgente, o Blasfémias, etc.».

 

 

24 comentários

Comentar post