Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogue de Alterne

Blogue de Alterne

...

Janeiro 11, 2019

Pedro Vorph

 

Invictus, de William Ernest Henley.

 

Na noite escura que me cobre,
Como uma cova de lado a lado,
Agradeço aos deuses, que possam haver,
Pela minha alma inconquistável.

 


Nas garras ardis das circunstâncias,
Não titubeei ou sequer chorei.
Sob os golpes do infortúnio
Minha cabeça sangrenta, mantive erguida.

 

 

Para além deste lugar de ira e lágrimas,
Espreita, somente, o horror da Sombra,
E apesar dos anos ameaçadores que virão,
Não cederei ao medo.

 


Não importando quão estreita seja a passagem,
Ou as privações, para mim, reservadas
Serei sempre senhor do meu destino,
Capitão da minha alma.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D